12º Dia – Graças a Deus por sua justiça

24Salmo 37.25-28a

Fui moço e agora sou velho,

porém jamais vi

o justo desamparado,

nem a sua descendência

a mendigar o pão.

É sempre compassivo

e empresta,

e a sua descendência

será uma bênção.

 

Afaste-se do mal

e pratique o bem,

e a sua morada será perpétua.

Pois o Senhor ama a justiça

e não desampara os seus santos.

 

1Pedro 3.12

Porque os olhos do Senhor

repousam sobre os justos,

e os seus ouvidos

estão abertos às suas súplicas,

mas o rosto do Senhor

está contra aqueles

que praticam o mal.”

Lamentações 3.58-59

Defendeste a minha causa,

Senhor;

remiste a minha vida.

Viste, Senhor, a injustiça

que me fizeram;

julga a minha causa.

 

 

Oração:  Senhor Jesus, tu és justo e és justiça. Louvamos o teu nome, pois sabemos que ouves o clamor dos justos e por seus olhos repousarem sobre eles. Te agradecemos por sabermos que defendes a nossa causa. Em nome de Jesus. Amém!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *