Salomão, o pai sábio

Salomão será lembrado para sempre como o rei mais sábio de Israel. E, como a maioria dos pais, ele provavelmente tinha orgulho da sabedoria dos seus filhos. Mas o velho e sábio Salomão não deixou nada para o acaso, ele não supôs que seus filhos obteriam essa sabedoria por si mesmos.

O livro de Provérbios é, na verdade, um registro do amor de Salomão por seus filhos. Sábio e rico, poderoso e ocupado como foi, ele percebeu o valor de investir tempo para repartir essa sabedoria divina com seus filhos. Como resultado dos seus esforços, no decorrer da história, homens e mulheres tiraram muito proveito destas palavras sábias.

Você pode se perguntar de onde Salomão tirou a ideia de passar essa sabedoria para os seus filhos? Como ele descobriu que seus filhos não adquiririam essa sabedoria por si mesmos?

Davi, pai de Salomão, disse ao seu filho antes de morrer: “Portanto, seja corajoso e seja homem! E faça aquilo que o SENHOR, seu Deus, manda. Obedeça a todas as suas leis e mandamentos, como estão escritos na Lei de Moisés. Assim você será bem-sucedido aonde quer que for e em tudo o que fizer.” (1Rs 2.2b-3). Que ótima ideia, Salomão deve ter pensado, quando eu tiver os meus próprios filhos, farei a mesma coisa. Tal pai, tal filho.

Leia 1Reis 2 para conhecer o episódio completo desta história dos conselhos de Davi a Salomão.

O texto desta reflexão foi extraído da Bíblia do Papai,
publicada pela Sociedade Bíblica do Brasil, na versão digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *